Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Select a Page:
Scroll to top

Top

Mecanismos de Controlo Societário: Evidência Empírica em Cinco Países Europeus

Mecanismos de Controlo Societário: Evidência Empírica em Cinco Países Europeus
  • Ao longo das últimas décadas, os mecanismos do Governo Societário têm sido utilizados como método para alcançar vantagens competitivas face ao crescente dinamismo dos mercados. Esta investigação tem objetivo descrever de que forma os diversos mecanismos de controlo societário, influenciam o desempenho das empresas de cinco países Europeus. Tem ainda como objetivo caracterizar os mecanismos de controlo societário e o seu impacto no desempenho empresarial. Para os concretizar, recorre-se em primeiro lugar, à análise descritiva e, posteriormente, à análise de regressão linear múltipla. Os resultados evidenciam que o desempenho empresarial é afetado negativamente pela Dimensão do Conselho de Administração, pela Dualidade do CEO e pela Concentração do Direito de Voto. Contrariamente, a relação é positiva com a Independência do Conselho de Administração e com a Presença de Mulheres no Conselho de Administração. Não apresenta correlações estatisticamente significativas com a Qualidade do Auditor. É de sublinhar que não existe convergência na distribuição de algumas variáveis (Turnover, Market Value, Dimensão do Conselho de Administração, Dualidade do CEO e Presença de Mulheres no Conselho de Administração) quando a amostra é dividida em dois grupos de países diferentes (Países Ibéricos vs. Bélgica, Holanda e França).

    Palavras-chave: desempenho empresarial, Euronext, governo societário, mecanismos de controlo
  • Este conteúdo está apenas disponível para associados.
  • Este conteúdo está apenas disponível para associados.

Recuperar Password

Por favor, introduza o seu e-mail. Vai receber uma nova password via e-mail.